Fale Conosco
  • location_on

    Rua amadeu roldan, 637

Deixe sua Mensagem






    Você prefere ser atendido por email ou whatsapp?

    Seus dados serão utilizados exclusivamente para análise previdenciária. Não repassaremos as informações a terceiros e nos comprometemos a não enviar Spam.

    Previdência privada aberta: entenda como funciona!

    Saiba o que é a previdência privada aberta e entenda como ela ajudará você ter mais proteção em sua velhice

    Previdencia Privada Aberta Descubra Tudo A Respeito E Como Escolher Blog - Escritório de Advocacia em São Paulo - SP | Macedo Advocacia - Previdência privada aberta: entenda como funciona!

    Apostar na previdência privada aberta pode ser a alternativa que vai ajudar você a ter um melhor preparo para encarar sua terceira idade. Leia o artigo que preparamos e entenda.

    Investir em uma previdência privada aberta, apesar de ser algo desconhecido para muitas pessoas, pode ser uma alternativa vantajosa, principalmente quando se trata de preparar-se para a velhice.

    Ter um preparo financeiro vai ajudar você a lidar com os desafios da idade de forma mais tranquila.

    Sendo assim, no artigo de hoje, trazemos informações importantes as quais vão ajudar você a entender, com mais detalhes, sobre a importância de ter um planejamento adequado para enfrentar sua velhice.

    Terceira idade: entenda os principais desafios

    Cada época da nossa vida traz consigo características próprias; assim acontece quando nós envelhecemos.

    Apesar de toda experiência acumulada ao longo dos anos e dos saberes conquistados, nesse momento o nosso corpo já não é o mesmo da juventude e, por vezes, requer cuidados especiais.

    Dessa forma, atividades que eram feitas de forma simples podem requerer maiores esforços.

    Por exemplo, subir escadas pode passar a ser algo complicado, a nossa acuidade visual já não costuma ser a mesma de outrora, dores musculares e nas articulações passam a ser mais presentes em nosso cotidiano… Enfim, muitos problemas começam a surgir e demandam a nossa atenção.

    Nesse contexto, se realizar tarefas básicas do nosso dia a dia já é complicado, imagine, então, ter que desenvolver atividade laboral.

    Levantar cedo, dirigir-se ao trabalho e lá desenvolver algum tipo de função são demandas impossíveis para muitos idosos.

    Ainda, existem doenças que são mais comuns nessa época das nossas vidas, como, por exemplo:

    • Câncer;
    • Infecção urinária;
    • Osteoporose;
    • Diabetes;
    • Doenças cardiovasculares.

    Nesse viés, obter meios que possibilitem uma vida digna pode ser um grande problema.

    Isso, alinhado ao fato de que muitas famílias não possuem condições de dar suporte financeiro apropriado a seus entes de idade mais avançada, e o fato de muitos não terem parentes a quem recorrer colocam muitas pessoas dessa faixa etária em situação de risco.

    E, tratando-se de terceira idade, abaixo relacionamos alguns artigos que vão ajudar você a se atualizar sobre assuntos relacionados à aposentadoria:

    Por que é necessário se preparar para envelhecer?

    É imprescindível buscar formas que proporcionem mais segurança a esse momento da sua vida.

    Ter a percepção que a juventude, assim como outros momentos, é apenas uma fase e, cedo ou tarde, irá passar é o passo inicial. Isso vai ajudar você a entender a necessidade de ter um preparo adequado para transpor os obstáculos que surgem na terceira idade.

    Sendo assim, levar em consideração as características desse período de sua vida, ainda em sua juventude, contribui para que você faça escolhas que vão ter uma repercussão positiva  no seu futuro.

    E isso tem a ver com a adoção de hábitos de vida mais saudáveis, como alimentação balanceada, prática de atividades físicas e hábitos que contribuam para melhorar a sua qualidade de vida. 

    Ainda, entender a importância de se preparar para envelhecer permite que você possa ter uma melhor organização financeira e fazer escolhas que deem maior segurança ao seu futuro, como, por exemplo, ao contar com uma previdência privada aberta ou outros semelhantes.

    Por que é importante investir em um plano previdenciário?

    A gente pode entender que a previdência consiste em realizar uma reserva com o objetivo de se preparar para o futuro.

    Então, um plano de previdência vai ajudar você a ter uma melhor base financeira em sua velhice, facilitando o processo de enfrentar as adversidades com as quais é preciso lidar.

    Embora muitos deles exigem disciplina e planejamento, são importantes, pois possibilitam um amparo nesse momento singular da sua vida.

    Ademais, tratando-se de planos de previdência privada aberta, eles ajudam você a ter muito mais tranquilidade financeira.

    Inclusive, com o valor acumulado ao longo de sua vida, você poderá abrir um negócio ou realizar algum tipo de investimento mais rentável o qual ajude a manter ou a melhorar o seu padrão de vida.

    Qual é o melhor momento para se pensar em um plano de aposentadoria?

    Não existe uma idade específica para que você possa começar a se planejar.

    Porém, vale lembrar que, quanto mais cedo, mais fácil ficará para você alcançar uma situação confortável em seu futuro.

    Lembrando que existem vários tipos diferentes de planos de aposentadoria, sendo a mais popular a do INSS, mas também temos a previdência privada aberta.

    Quais as limitações de um plano de aposentadoria do INSS?

    O Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) é um órgão governamental que lida com o pagamento de aposentadorias e de outros benefícios.

    A fim de que você tenha acesso a benefícios previdenciários, é necessário pagar um número mínimo de vezes utilizando um percentual sobre o valor do seu salário.

    Tratando-se da aposentadoria, ela poderá ser alcançada após um determinado número de contribuições e após ultrapassada uma determinada idade.

    Nesse contexto, é necessário seguir uma série de critérios para que você possa ter acesso ao seu benefício.

    Outrossim, outro ponto que torna desvantajoso para muitos se aposentar pelo INSS é o limite do valor da aposentadoria que o órgão disponibiliza.

    Hoje em dia, o texto máximo do benefício é de R$ 7.087,22, ou seja, mesmo que você tenha contribuído sobre salários que excedam esse valor, terá direito apenas ao recebimento de benefícios mensais nesse montante.

    A boa notícia é que você não precisa depender apenas dos valores pagos pelo INSS, já que existem várias outras opções que podem ajudar você a se organizar para lidar melhor com a sua terceira idade.

    Um deles é o plano de aposentadoria privada aberta, sobre o qual vamos conversar nas próximas linhas.

    O que é um plano de previdência privada aberta?

    Podemos entender como um plano de previdência complementar aberta aquele que tem sua operação realizada por Entidades Abertas de Previdência Complementar, também chamadas de EAPC.

    Dentre suas características mais importantes, temos que o plano pode ser contratado por diferentes pessoas físicas.

    Ainda, ele poderá ser contratado para você, para seus filhos, para cônjuge ou para terceiros.

    Trata-se de um plano de aposentadoria cuja adesão pode acontecer junto a outros, como o do INSS.

    As duas modalidades mais conhecidas são PGBL e VGBL.

    O funcionamento de ambos é parecido, já que, neles, você faz a sua contribuição mensal; ela será corrigida periodicamente por um índice específico e, posteriormente, geralmente em sua velhice, poderá sacar todo o montante corrigido.

    PGBL é a sigla para Plano Geral de Benefício Livre, já VGBL significa Valor Gerador de Benefício Livre.

    Em relação à acumulação, ambos possuem as mesmas características, já que você fará depósitos durante o período em que estiver ativo economicamente.

    Tratando-se do resgate, ele pode ser feito em apenas uma vez ou em parcelas periódicas.

    Auxilio Doenca - Escritório de Advocacia em São Paulo - SP | Macedo Advocacia - O INSS indeferiu o seu pedido de auxílio-doença?
    Pedido De Aposentadoria - Escritório de Advocacia em São Paulo - SP | Macedo Advocacia - Pedido de Aposentadoria

    Existe a portabilidade para ambos os planos, mas isso funciona apenas entre as diferentes instituições.

    Você não poderá trocar, por exemplo, entre a modalidade do plano, tampouco a tributação.

    Falando-se em tributação, existe uma grande diferença como a aposentadoria ocorre em ambos os planos.

    Tributação do Imposto de Renda entre os diferentes planos

    Uma diferença marcante entre os dois planos está no fato de que, no PGBL, a tributação acontece apenas sobre os rendimentos; já no PGBL, todo o valor acumulado sofrerá a incidência do Imposto de Renda na hora do resgate. 

    A possibilidade de escolher a maneira como esses planos de previdência privada aberta serão tributados é uma das grandes vantagens de incluí-los em seu planejamento de aposentadoria.

    Isso porque é possível que se escolha entre a tabela progressiva e a regressiva.

    A primeira é mais indicada para investidores que desejam fazer aportes menores, devido à possibilidade de isenção do Imposto de Renda em aplicações que não ultrapassem o limite de R$ 22.847,76 ao ano.

    Caso você ultrapasse o valor, dependendo do acumulado, poderá pagar alíquotas de até 27,5%.

    Na tabela regressiva, a incidência do tributo se dá levando em consideração o tempo do investimento.

    Por exemplo, aqueles que têm até 2 anos de aplicação devem pagar 35% de imposto, aqueles que possuem entre 2 a 4 anos devem pagar 30% etc.

    Quem possuir mais de 10 anos de investimento paga apenas 10% de IR.

    O que acontece no caso de demissão em planos ofertados por empresas?

    Tratando-se da previdência privada aberta, em algumas empresas, é comum disponibilizarem a seus colaboradores planos de previdência complementar nessas modalidades.

    Porém, uma dúvida que fica em muitas situações está relacionada ao que acontece em caso de demissão.

    Um fato importante a se considerar é que você não perderá o seu investimento.

    Dependendo da situação, você poderá continuar contribuindo em seu plano de previdência privada aberta por meio do autopatrocínio.

    Então, além de garantir melhor proteção financeira para o seu futuro, ainda garante os depósitos feitos pela empresa.

    Também existe a possibilidade de resgate.

    O colaborador poderá sacar os investimentos feitos, porém é importante levar em consideração que algumas empresas não permitem que seja realizado o saque de valores que ela realizou.

    Aqui, aproveitamos para sinalizar que, caso você tenha algum problemas na área trabalhista e esteja precisando de suporte jurídico, clique aqui e entenda como poderemos ajudar.

    Quais as vantagens dos planos de previdência privada aberta?

    Como vantagem dos planos de previdência privada aberta, temos:

    • Facilidade de adesão;
    • A possibilidade de escolher como o Imposto de Renda irá incidir;
    • Os valores podem ser sacados integralmente ou o recebimento pode ser feito de forma parcelada;
    • A possibilidade de contar com uma renda além da fornecida pelo INSS ao se aposentar;
    • A diversidade de instituições financeiras que oferecem esses planos com taxas e regras diferentes.

    Enfim, são vários os benefícios que você poderá ter ao contar com um plano de previdência privada aberto no planejamento da sua aposentadoria.

    O que levar em consideração ao optar por esse tipo de aposentadoria?

    Dois aspectos importantes que você precisa levar em consideração são as taxas cobradas e a forma como sua aplicação será remunerada.

    Esses dois fatores costumam variar bastante entre as diferentes corretoras; por conta disso, é importante que você procure saber quais são as praticadas.

    Ainda, eles estão diretamente relacionados à lucratividade que sua aplicação terá.

    Também é importante entender que o PGBL é um tipo de investimento que é mais adequado para quem faz a declaração do Imposto de Renda completa.

    Isso porque o benefício fiscal oferecido por ele acontece ao se acumular patrimônio, momento em que você poderá realizar o abatimento de até 12% da renda tributável anual, caso use a declaração completa, em aportes relacionados ao plano.

    Já o VGBL é mais indicado para pessoas físicas as quais realizam a declaração simplificada.

    Isso se dá pelo fato de que o benefício fiscal acontece ao realizar os saques.

    Outrossim, leve em consideração o seu momento atual.

    Existem várias possibilidades de investimentos, as quais também podem ser utilizadas para montar um lastro financeiro.

    Preze que oferece maior rentabilidade, menores gastos e, dependendo do contexto, também mais liquidez.

    Macedo Advocacia: ajudando você a fazer escolhas conscientes!

    Como podemos concluir em nossa conversa, nossa velhice precisa ser um momento no qual a gente precisa pensar com muito carinho.

    Nesse período, devido às nossas limitações físicas, ter uma estrutura financeira adequada poderá nos livrar de muitos infortúnios.

    Ainda, depender apenas do benefício do INSS pode não ser uma opção tão atrativa, principalmente por conta do seu teto de benefício.

    Logo, adotar, em sua estratégia de planejamento de aposentadoria, a previdência privada aberta poderá ajudar você a ter mais segurança financeira em seu dia a dia.

    Nesse contexto, os mais conhecidos, como vimos, são o VGBL e o PGBL.

    Cada um deles possui características particulares, as quais poderão ser benéficas para você – ou não – dependendo do seu perfil.

     Sendo assim, é importante conhecer, de fato, o seu contexto e o momento atual, saber quais as particularidades das instituições as quais estão disponibilizando os investimentos, principalmente no que se refere às taxas cobradas e aos índices de rentabilidades usados, para que você possa fazer escolhas acertadas as quais permitam que você tenha o máximo de lucratividade possível.

    Nesse sentido, é importante que você saiba que nós, da Macedo Advocacia, temos a expertise necessária para ajudar você a fazer escolhas conscientes quando se trata de sua aposentadoria.

    Contamos com especialistas no assunto os quais vão ajudar você a decidir de forma mais acertada e levando em consideração os impactos futuros das suas escolhas.

    Clique no botão abaixo, converse com um de nossos especialistas e conheça as vantagens de contar com o nosso suporte.

    CLIQUE AQUI E TENHA AUXÍLIO PARA REALIZAR O PLANEJAMENTO DA SUA APOSENTADORIA CORRETAMENTE!

    5/5 - (1 vote)

    Se você precisa de serviço relacionado ao artigo ou necessita de maiores informações sobre o assunto, conte conosco, da Macedo Advocacia.

    Contamos com profissionais que possuem grande experiência e conhecimento no direito previdenciário, tanto na esfera judicial, como, também, no âmbito administrativo.

    Entre em contato conosco utilizando as informações disponibilizadas em nosso website; caso prefira, você pode utilizar a ferramenta de chat do WhatsApp, ela fica localizada no canto inferior direito.

    Estamos apenas te esperando.

    PRESSIONE AQUI AGORA MESMO E FALE JÁ CONOSCO PARA MAIS INFORMAÇÕES!

    Summary
    Previdência privada aberta: entenda como funciona!
    Article Name
    Previdência privada aberta: entenda como funciona!
    Description
    Saiba o que é a previdência privada aberta e entenda como ela ajudará você ter mais proteção em sua velhice.
    Author
    Publisher Name
    Macedo Advocacia
    Publisher Logo

    Marcadores:

    Então vamos ao próximo passo e realizar uma análise do seu caso?

    Preencha o formulário e saiba como garantir seus direitos.





      captcha

      Comentários

      0 0 votes
      Article Rating
      Subscribe
      Notify of
      guest

      0 Comentários
      Inline Feedbacks
      View all comments

      Endereço:

      UNIDADE:
      Av.Marquês de São Vicente 230,
      18° andar - Barra Funda - São Paulo
      Cep: 01139-000

      Telefone:

      (11) 4706-4739

      E-mail

      contato@macedoassessoria.adv.br

      Macedo Assessoria Jurídica | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

      Powered by: Grupo DPG